terça-feira, 12 de julho de 2011

Nova tropa da PM visa reprimir a ação violenta das quadrilhas no interior


A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social apresentou, na tarde desta terça-feira (12) à Imprensa, a nova tropa de elite da Polícia Militar do  Ceará. Trata-se do Comando Tático Rural (Cotar), que será empregado em missões no Interior do Estado. A missão é reprimir a ação violenta das quadrilhas que, já neste ano, atacou 13 agências e postos bancários.
Em alguns episódios, os ladrões praticaram os ataques com bastante violência, fazendo reféns e usando dinamite para explodir os caixas eletrônicos dos bancos. Os assaltos aconteceram em cidades como Groaíras, Pedra Branca, Pires Ferreira, Viçosa do Ceará, Caridade, Miraíma e Limoeiro do Norte, Parambu e Independência.
A  nova tropa de elite será formada por, pelo menos, 48 homens do Batalhão de Polícia de Choque (BpChoque). Vinte e três deles  já começaram o treinamento. Segundo o comandante do BpChoque, major Alexandre Ávila, os policiais estão passando por uma forte preparação. Na tarde desta terça-feira eles fizeram uma demonstração de embarque e desembarque rápida em aeronaves (helicópteros) da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas. O local escolhido foi o campo de futebol da sede da nova Academia da Segurança Pública, sediada no bairro Mondubim.
O mau tempo, provocado pela insistente chuva que cai na Grande Fortaleza desde a madrugada, impediu que os PMs fizessem simulações mais reais, inclusive, com o uso de artefatos (bombas de gás). Mas, segundo Alexandre Ávila, o trabalho vai continuar e outras equipes estarão sendo preparadas nas próximas semanas.
A decisão de implementar o novo policiamento que vai enfrentar os bandidos partiu do secretário da Secretário da Segurança Pública do Estado, coronel Francisco José Bezerra; e do comandante-geral da PM, coronel PM Werisleik Ponte Matias. Segundo Ávila, as equipes do Cotar irão atuar em regiões previamente estabelecidas dentro do planejamento operacional  da SSPDS, com o apoio da Ciopaer e da Coordenadoria de Inteligência (Coin).

fonte:dn/iguatu diario

Nenhum comentário: