segunda-feira, 4 de julho de 2011

Penaforte-CE: Polícia prende trio acusado de vender armas para a prática de crimes no Ceará e Pernambuco


Três pessoas residentes no Assentamento Vida Nova localizado na zona rural de São José do Belmonte (PE), que faz fronteira com a cidade de Penaforte no Cariri cearense, foram presas pela Polícia Militar dos dois estados. O comerciante Everaldo Anacleto de Sousa Silva, de 50, a doméstica Francisca Eneide da Silva Sobrinho, de 44, e o agricultor Sebastião Almeida Araújo, de 48 anos, são acusados de responderem pelo comercio de armas de fogo na área as quais, normalmente, são usadas em crimes.

Eneide e Sebastião estavam cada um com espingardas calibre 12 e seis cartuchos intactos. A primeira pertence a Everaldo, segundo confessou à polícia e as armas são reforçadas com canos de suspensão de motocicletas para dar maior poder de impacto no momento dos disparos. O trio foi denunciado por um jovem que trabalha como ajudante geral e reside no Centro de Penaforte. Ele ligou para a polícia avisando sobre os três homens armados.
A operação foi desenvolvida em conjunto entre as polícias do Ceará e Pernambuco pelo fato da área se situar numa região de fronteira entre os dois estados. Por parte do CIOSAC (Companhia Independente de Operações e Sobrevivência na Área de Caatinga), o comando foi do Tenente Rosendo. No Ceará, o Major Sobreira, Comandante da Companhia de Brejo Santo com o apoio dos Soldados Jackson, Marcelo, Montenei e Jânio. O trio foi levado para a Delegacia de Polícia Civil de Serra Talhada (PE).




Fonte: Miseria.com.br
Demontier Tenório

Nenhum comentário: