quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Mais de 700 transplantes feitos este ano no Ceará são de córneas


No ano em que o Ceará supera, pela primeira vez na história, a marca de mil transplantes realizados/ ano, com 1.171 transplantes já feitos em 2011 até a última quarta-feira (7), a Secretaria da Saúde e as equipes transplantadoras comemoram o Dia Nacional do Doador de Córnea, terça-feira (13), com balanço positivo. De todos os transplantes realizados este ano, 712 foram de córneas, 252 a mais que em 2010. O transplante de córnea foi o procedimento que mais cresceu em relação ao ano passado, entre todos os tipos de transplantes realizados no Estado. A meta para 2012 é zerar a fila de transplantes de córneas, que tem hoje 449 pacientes.

São 13 centros transplantadores de córnea no Ceará – 10 em Fortaleza e mais três nos municípios de Barbalha, Crato e Sobral. Há, ainda, 62 hospitais notificantes em todo o Estado. Neles são feitas as captações de córneas de doadores com morte encefálica e, também, com parada cardíaca, caso em que somente córnea, pele e osso podem ser doados. As córneas captadas alimentam o Banco de Olhos do Hospital Geral de Fortaleza (HGF), maior transplantador do Ceará, que preparou programação para comemorar o Dia do Doador de Córneas.

Banco de olhos
Fundado em 30 de Janeiro de 2006, o Banco de Olhos do HGF é único banco de tecidos oculares do estado do Ceará. “A criação do Banco de Olhos tem a finalidade de melhorar a qualidade dos tecidos oculares transplantados, dentro dos padrões técnicos e de qualidade que a complexidade do procedimento requer” explica a enfermeira integrante da equipe do Banco de Olhos, Márcia Vitorino.

O Banco de Olhos funciona 24 horas por dia, atuando em Fortaleza e ainda nas cidades de Sobral e Juazeiro do Norte. O Banco é credenciado pelo Sistema Nacional de Transplantes – dentro dos padrões da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e está subordinada a Central Nacional de Captação e Distribuição de Órgãos. Trabalham junto ao Banco de Olhos do HGF, três médicos oftalmologistas, uma enfermeira, um agente administrativo e nove técnicos.

A programação do Dia do Doador constará de atividades com o objetivo de sensibilizar a sociedade sobre a importância do ator de doar. Será ministrada palestra sobre o tema e prestados depoimentos com a participação da família do doador e também do receptor, todos voluntários da causa. A programação especial terá inicio às 8h30 e o encerramento está previsto para as 10h35.

08.12.2011

Assessoria de Imprensa da Sesa
Selma Oliveira ( selma.oliveira@saude.ce.gov.br / 85 3101.5220)

Nenhum comentário: