quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

AGRICULTURA FAMILIAR: Ceasa Cariri Começa a Funcionar próximo dia 20

Barbalha. Começa a funcionar no próximo dia 20, a Central de Abastecimentos do Cariri (Ceasa - Cariri). Ontem foi realizada reunião com os produtores da agricultura familiar da região e o secretário de Desenvolvimento Agrário do Estado, Nelson Martins, com o objetivo de traçar os primeiros pontos relacionados ao funcionamento de um dos quatro pavilhões do equipamento que será destinado aos agricultores. O investimento na Ceasa é de R$ 15 milhões.

A Central vai atender a região e estimular a produção agrícola local, além de favorecer a comercialização sem a figura do atravessador. A inauguração pelo governo do Estado, Cid Gomes, ainda será marcada.

A Ceasa - Cariri estava prevista para ser inaugurada no final do ano passado. Segundo o secretário, restam apenas detalhes para ser totalmente finalizado. Ele destacou que restam ser feitos pequenos detalhes e um projeto de drenagem que foi feito no entorno do equipamento.

O prefeito de Barbalha, José Leite, afirma que a obra já vem dando resposta na economia, com a valorização em até quatro vezes na área de seu entorno. "Não só Barbalha ganhará com a arrecadação, haverá um impacto positivo na comercialização e agricultura regional", afirma.

A licitação de um dos pavilhões com boxes já foi realizada e está totalmente ocupado, restando apenas um dos pavilhões, já que os outros dois espaços serão destinados a vendedores atacadistas, a exemplo dos que já atuam em mercados como o Pirajá, em Juazeiro do Norte; o Walter Peixoto, no Crato; e o municipal de Barbalha.

Nelson Martins destaca o impacto positivo para agricultura familiar, com ampliação de linhas de crédito. O cadastro para os agricultores começa a ser feito e os interessados em vender seus produtos devem procurar a administração da Ceasa.

Distribuição
50 boxes serão destinados para comercialização de hortifrutigrangeiros. Caso todos os espaços não sejam ocupados, será aberta uma nova licitação



Fonte: DN

Nenhum comentário: