terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Brejo Santo-CE: Acusado de quatro homicídios quis matar a mãe, a esposa e tocou fogo na casa


Uma fúria incontrolável tomou conta do servente de pedreiro Josildo José da Silva, de 31 anos, residente no Sitio Lagoinha na zona rural de Brejo Santo por volta das 17 horas deste domingo. Armado com uma faca, ele tentou matar sua própria esposa e sua mãe. Como estas correram e o mesmo não conseguiu o seu intento, passou a quebrar todos os moveis dentro de casa. Como se não bastasse, Josildo tocou fogo no imóvel onde reside.

Praticamente não há vizinhos e a sorte é que familiares chegaram na hora em que tudo estava acontecendo. Foi quando conseguiram imobilizar o acusado e amarrá-lo acionando a polícia que veio prendê-lo por tentativa de homicídio e incêndio criminoso. O caso não ficou por aí, pois a polícia descobriu que Josildo tem contra si um Mandado de Prisão em aberto decretado pela Justiça de São Paulo por homicídio.

Como se não bastasse, o homem responde inquérito policial igualmente em São Paulo sob a acusação de outros três homicídios, bem como três processos na justiça paulista por desacato, resistência e ameaça. Ele foi levado para a Delegacia de Brejo Santo pelos Soldados Erivan Tavares de Araújo, Fredson Nóbrega de Azevedo, Paulo Pereira Nunes e Carlos Henrique Gomes Ribeiro da Força Tátita de Apoio (FTA).
ARMAS – Ainda em Brejo Santo, por volta das 19 horas deste domingo no Sitio São Felipe, a polícia encontrou um revólver calibre 32 desmuniciado e uma espingarda calibre 12 com um cartucho intacto abandonadas em um matagal na Serra do Araripe as quais teriam sido usadas por Francisco Adalberto Rodrigues para ameaçar sua companheira Maria do Socorro de Oliveira. Ele fugiu após ser contido por familiares que tomaram as armas e jogaram no mato distante de sua residência. A polícia foi avisada quando seguiu ao local e recolheu o revólver e a espingarda.

Fonte: Site Miséria

Nenhum comentário: