sábado, 31 de março de 2012

Caucaia-CE: Menino com doença rara aguarda cirurgia no Albert Sabin


Em Caucaia, na região metropolitana de Fortaleza, um garoto de cinco anos sofre desde o nascimento com os problemas provocados por uma doença rara. O menino Lucas Azevedo Marques, 5, tem má formação da bexiga e do órgão genital. Por isso, atividades simples como jogar bola tornam-se impossíveis para ele.
Para Lucas, o portão da rua é o limite. Ao contrário de qualquer criança, ele não pode correr, brincar na rua, participar de brincadeiras com outras crianças. Qualquer esforço ou exposição à poeira, por exemplo, pode resultar em dores insurportáveis.
 
Lucas sofre de extrofia da bexiga, um defeito congênito, no qual a bexiga fica exposta para fora do abdome. Trata-se de um problema que atinge 1 em cada 30 mil recém-nascidos.
 
Somente cirurgias podem resolver o problema do garoto Lucas e ele já foi submetido a duas delas – uma, logo ao nascer, e outra aos dois anos de idade. Um terceiro procedimento  deveria ter sido realizado um ano depois, mas a cirurgia no Hospital Infantil Albert Sabin foi adiada duas vezes. E ainda não há previsão de quando será realizada. E assim, já se foram quase três anos de uma espera angustiante.
 
Apesar de ter cinco anos, Lucas precisa usar fraldas 24 horas por dia, mas a família nem sempre dispõe de recursos. A mãe, Eunice Azevedo,  cuida do filho e não tem como trabalhar. O pai, Francinildo Marques dos Santos, vive de bicos, mas também é doente e  tem limitações físicas. 
 
Sem recursos para buscar ajuda na rede privada, resta à família aguardar pela cirurgia do pequeno Lucas e contar com a solidariedade de quem pode ajudar. Para quem se dispor a colaborar com a família, os telefones são os seguintes: (85) 8554.0290 / 8702.4906

Fonte: Cnews

Nenhum comentário: