sexta-feira, 16 de março de 2012

FURTO MILIONÁRIO: Preso em SP bandido que cavou túnel no Banco Central de Fortaleza

Condenado a 47 anos pela Justiça Federal no Ceará, por envolvimento direto nas escavações do túnel que levou ao furto milionário no Banco Central de Fortaleza, em agosto de 2005, o assaltante Pedro José da Cruz, o ´Pedrão´, 53, foi capturado, ontem, em São Paulo.

O bandido acabou sendo detido durante uma operação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em uma estrada no Município de Santa Isabel. "Ele foi barrado num bloqueio na Rodovia Presidente Dutra e conduzido para a delegacia de Santa Isabel. Aqui, fizemos o levantamento e confirmamos que estava usando uma identidade falsa com o nome de Aureliano Viana da Silva", contou o delegado Karlos Alberto de Oliveira, em entrevista ao Diário do Nordeste Online, ontem.

Procurado

´Pedrão´, ou ´Engenheiro´, segundo a Justiça Federal, participou do planejamento e execução das obras do túnel de 80 metros de extensão que levou os criminosos ao cofre do Banco Central, em Fortaleza, situado no cruzamento das avenidas Dom Manuel e Heráclito Graça, em pleno Centro de Fortaleza, entre fevereiro e agosto de 2005. Durante o ataque silencioso e engenhoso da quadrilha, os ladrões se apoderaram da quantia de R$ 164,8 milhões, toda em cédulas velhas de 50 reais. Segundo as autoridades, foi o maior furto a banco registrado na história do País.

O grupo de ladrões de banco era chefiado, conforme a Polícia Federal, pelo bandido cearense Antônio Jussivan Alves dos Santos, o ´Alemão´, que está, atualmente, recolhido em uma Casa de Privação Provisória da Liberdade (CPPL), em Itaitinga. Outro chefe do bando, o assaltante Marcos Rogério Machado de Morais, o ´Rogério Bocão´ (primo de ´Alemão´), fugiu do Presídio Professor Olavo Oliveira II (IPPOO II), em fevereiro do ano passado.

´Pedrão´ foi detido pela Polícia paulista quando seguia em um automóvel com outras quatro pessoas e, conforme o delegado, o grupo dizia que iria fazer uma ´cobrança de dívida´.

Um dos acompanhantes do ladrão de bancos portava uma pequena quantidade de droga (maconha) e foi detido também.

Presídio

Com a confirmação da identidade do acusado, a Polícia transferiu ´Pedrão´ para o Presídio de Guarulhos, onde ele ficará até ser recambiado para Fortaleza.

FERNANDO RIBEIROEDITOR DE POLÍCIA

Diário do Nordeste

Nenhum comentário: