quinta-feira, 1 de março de 2012

Imprudência de jovens causa acidente impressionante (imagens fortes)


EUNÁPOLIS - Uma mistura de velocidade excessiva e manobras arriscadas pode ter sido a causa de mais uma tragédia no trânsito. Dois jovens tiveram morte brutal, na tarde desta quarta-feira (15), na BR-101.


A violência do acidente, no km 724 da rodovia, no município de Eunápolis, impressionou até os policiais rodoviários federais, acostumados a presenciar todo tipo de desastre.


Andersom Carlos Oliveira Santos, 20 anos, e Christian Ricardo Bonatti, 17, seguiam de Itabela para Eunápolis em uma motocicleta Honda Biz.

Quem testemunhou o acidente relatou que eles perderam o controle da direção em uma curva e bateram no caminhão, que estava em sentido contrário e subia uma ladeira após o Rio Buranhém.

Um dos ocupantes da moto ficou preso debaixo das rodas traseiras do caminhão. O outro caiu no asfalto. A morte foi imediata. Houve até perda de massa encefálica.

A motocicleta - que era guiada por Anderson -, ficou completamente retorcida e a carenagem se espalhou por um raio de 20 metros, assim como os capacetes e os tênis que as vítimas usavam.


O condutor do caminhão, com placa de Feira de Santana, Balbino José de Souza Neto, 27 anos, muito abalado, não quis dar entrevista, mas um motorista que vinha logo atrás dele contou o que viu.

'O caminhão tirou o possível, freou, foi para o acostamento, mas não conseguiu evitar o acidente. Todo mundo que vinha atrás disse que eles estavam fazendo ultrapassagem pela direita e em mão dupla', disse Nilton Silva.

Já o inspetor da PRF, Cláudio Santos, afirmou  que pela dinâmica do acidente a tragédia era previsível. 'Os motociclistas vieram em velocidade incompatível com a curva, inclusive com relatos de outros condutores. Eles perderam o controle da direção, invadiram a contramão e atingiram o caminhão', informou o policial.
Um dos Jovens ficou preso entre as rodas do caminhão

Anderson era empresário. Tinha um pequeno provedor de internet na cidade de Itabela. Christian era seu colaborador. Os dois, segundo amigos, vinham para Eunápolis fazer a manutenção da moto.


Fonte: pmsemcensura.blogspot.com

Nenhum comentário: