quarta-feira, 28 de março de 2012

Polícia: Operação no Ceará prende acusados de fraudes em licitações


Denúncias do Ministério Público na cidade de Paraipaba, a aproximadamente 125 quilômetros de Fortaleza, resultaram em uma mega-operação da polícia, com 16 prisões, cinco na capital, durante a manhã desta terça-feira (27). O foco era encontrar acusados de supostas fraudes em licitação.
De acordo com a Polícia Civil, foram expedidos 34 mandatos de busca e apreensão. Das 16 prisões, oito foram homens e oito foram mulheres.
Entre os presos estão presidentes e membros da comissão de licitação, secretários de educação, saúde e cultura, chefe de gabinete, administração em finanças, controlodar, procurador do município e tesoureira.
A polícia não divulgou o nome dos acusados, mas revelou que na residência do secretário de Infraestrutra foram encontradas duas armas. Os homens presos foram levados para a delegacia de Capturas, enquanto as mulheres ficam no departamento de investigação.
O delegado de Paraipaba, Edmo Leite, adiantou ao Diário do Nordeste Online que o prefeito do município não está entre os acusados.
*Com informações do repórter Emerson Rodrigues

Diário do Nordeste

Nenhum comentário: