quarta-feira, 4 de abril de 2012

Ceará tem mais domicílios com motos do que a média brasileira


Uma pesquisa divulgada nesta terça-feira (03) pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece) mostrou que o Ceará possui maior percentual de residências com motocicletas do que o Nordeste e o Brasil. Além disso, é maior o número de domicílios que tem o veículo de duas rodas como principal meio de locomoção do que os que tem automóveis no Estado
Cerca de 24% das residências no Ceará tem o predomínio de motocicletas, superando o Nordeste (21,5%) e o Brasil (19,4%). Comparando o percentual de domicílios com a existência de automóveis e motocicletas, o estudo percebeu que na região Nordeste e no Ceará a quantidade de residências com motocicleta foi superior às casas com carros, enquanto para o País se obteve uma maior proporção de automóveis para uso particular.
Bens Duráveis
O número de casas com microcomputador no Ceará cresceu 308% na última década. De acordo com dados da pesquisa, os números passaram de 4,7% dos domicílios em 2000 para 19,2% em 2010.
Segundo o órgão, o Ceará apresentou em 2010 um percentual de domicílios com geladeira, rádio e televisão superior à média regional, mas com uma proporção inferior a média do país. O estudo feito pelo Ipece constatou que o Ceará alcançou um maior crescimento relativo do que a média do Nordeste e a do Brasil em relação aos bens duráveis como geladeira, máquina de lavar roupa e rádio.
 
Telefone
 
O celular foi o tipo de telefone mais presente nos domicílios dos brasileiros, nordestinos e cearenses. No Ceará, 21% das residências têm telefone, um valor superior ao do País (12%), mas inferior à região Nordeste (22%).
 
Infraestrutura
 
Segundo o estudo do Ipece, a maior parte dos domicílios no Ceará (87%) têm 4 ou mais cômodos, número equivalente a média brasileira. Quanto ao crescimento no número desse cômodos, o Ceará ultrapassou a média brasileira e regional, obtendo uma redução de 58% no número de casas com somente 1 cômodo.

Diário do Nordeste
Foto: ilustrativa

Nenhum comentário: