quinta-feira, 26 de abril de 2012

Criança morre após ser vacinada por agente de saúde em Mauriti-CE

Uma criança de apenas três meses de idade morreu por volta das 9 horas desta quarta-feira no Hospital e Maternidade São José de Mauriti após ter recebido vacina aplicada por uma agente de saúde. A morte do bebê, Cícero Diogo Furtado Magalhães, que nasceu no dia 22 de janeiro está sob suspeita já que a vacina era própria para crianças com idade superior a um ano. A suposta vítima morava no Sitio Santo Antonio dos Posseiros (Distrito de Anauá) na zona rural daquele município.

Levada por sua mãe Nazinha das Neves Furtado, a criança chegou ao hospital por volta das 7 horas após um quadro febril, bastante choro aparentando dores e com a pele ficando roxa. Ela contou à polícia que desconfiava da vacina aplicada nesta terça-feira por uma funcionária do Posto de Saúde de Anauá. Nazinha das Neves foi até a Delegacia de Mauriti e registrou um Boletim de Ocorrência (BO).

O caso está sendo investigando e a Polícia Civil já promoveu diligências com o apoio dos Soldados Gildecio, Costa, C.; Amaro, Siqueira e Sousa do Destacamento de Mauriti. O primeiro passo foi encaminhar o corpo para ser examinado no Instituto Medico Legal (IML) de Juazeiro do Norte, a fim de descobrir a causa da morte. Funcionários do posto e o médico que atendeu o bebê no hospital igualmente vão ser ouvidos.

Fonte: Miséria.com

Nenhum comentário: