segunda-feira, 30 de abril de 2012

A partir de 1º de maio, cigarro não poderá custar menos de R$ 3

A partir desta terça-feira, feriado do trabalhador, entra em vigor o preço mínimo para o cigarro. Qualquer maço do fumo vendida abaixo de R$ 3 será considerado produto de origem clandestina. Representantes do setor disseram, durante o Fórum de Comandatuba, na Bahia, que a medida é um marco para a indústria de tabaco.


Segundo o gerente de comunicação da Sousa Cruz, Fernando Bomfiglio, a diferenciação de preço vai ajudar o consumidor a identificar as marcas ilegais. “O cliente muitas vezes não tem a percepção de que esta entrando em um mercado ilegal. Essa nova política vai deixar as coisas mais claras”.


O Brasil consume hoje 105 bilhões de cigarros por ano e cerca de 20% desse total é ilegal, vindo principalmente do Paraguai.

Nenhum comentário: