sexta-feira, 11 de maio de 2012

Policia Federal apreende carga de maconha em Fortaleze-CE


Duzentos e três quilos de maconha paraguaia foram apreendidos pela Polícia Federal, em Fortaleza, após 30 dias de investigação. Segundo a PF, metade do carregamento é de maconha do tipo ´hidropônica´, ou seja, cultivada em estufa e que possui sete vezes mais concentração de THC (Tetrahidrocanabinol), princípio ativo da droga e que causa maior dependência.


Com essa apreensão, a PF contabilizou mais de uma tonelada de droga tirada de circulação neste ano no Ceará. O número representa 77 por cento do total apreendido durante todo o ano passado, que foi de 1.333 quilos.


De acordo com o delegado Sandro Luciano Caron, superintendente regional da PF, o material entorpecente saiu do Paraguai e entrou no Brasil por Foz do Iguaçu. De lá, percorreu mais os mais de 3.600 quilômetros que separam o Município do Estado do Paraná até a Capital cearense no fundo falso de um caminhão, empacotado em tabletes.


Casal


Caron afirmou que o carregamento chegou na última terça-feira em Fortaleza e seguiu para um posto de combustível no bairro Dias Macedo. O que o motorista do caminhão e um casal que receberia a droga não sabiam era que toda a movimentação do trio estava sendo acompanhada por agentes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE), sob o comando do delegado Eliomar Lima Júnior.


O motorista do caminhão seguiu para o posto em um veículo Santana disponibilizado pelo casal e chegou por volta das 23 horas de anteontem. No entanto, o automóvel não estava ali para ser abastecido de combustível, mas sim dos duzentos e três quilos de maconha.


Um frentista e o motorista iniciaram o processo de descarregamento e foram surpreendidos pelos ´federais´. Os dois foram presos e a droga apreendida. O casal foi detido em um restaurante na Cidade dos Funcionários por outras equipes da DRE.


De acordo com o titular da DRE, a investigação teve início após a descoberta de que o posto era usado como ponto de entrega de droga. "Iniciamos o acompanhamento e descobrimos que um grande carregamento estava chegando a Fortaleza. As diligências foram feitas e conseguimos prender as quatro pessoas".


Os nomes dos acusados não foram divulgados, mas Tarcísio Abreu, Delegado Regional de Combate ao Crime Organizado da PF, informou que a mulher é natural da cidade de Domingos do Capim, no Pará.


EMERSON RODRIGUES
REPÓRTER


Diário do Nordeste

Nenhum comentário: